Só o apoio a Lava Jato poderá quebrar a indiferença do povo diante das eleições

Esse ambiente frio, de quase indiferença, da população, com vistas ao processo eleitoral, parece indicar o surgimento, ao final de tudo, de uma grande surpresa. E, aí, reside o perigo, por não ser possível se avaliar que tipo de surpresa pode aparecer, se para o bem, ou para o mal. Continuar a ler Só o apoio a Lava Jato poderá quebrar a indiferença do povo diante das eleições

A Segunda Turma desfigura o papel do STF, como instituição maior da Justiça

O Brasil parece tremer a cada decisão da Segunda Turma, do Supremo Tribunal Federal, notadamente, em questões que a ela são submetidas e que pertencem a Operação Lava Jato. Os ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes são, declarada e vistosamente, contrários a tudo o que a Operação Lava Jato faz, especialmente, em relação a figuras proeminentes do PT. Continuar a ler A Segunda Turma desfigura o papel do STF, como instituição maior da Justiça

O STF trocou o respeito que tinha do povo pelo apoio vergonhoso a um Lula condenado


Em sua sessão de ontem, quinta-feira, o STF, por uma maioria de sete ministros, se desmereceu aos olhos do povo brasileiro, ao privilegiar o ex-presidente Lula com duas decisões singulares: primeiro, pela aceitação do pedido de habeas corpus; depois, pela concessão de um salvo-conduto para não ser preso. Uma vergonha nacional.

Veja traz matéria em que Gleisi teria recebido R$ 23 milhões de propina. Interessante!

Estrela, guerrilheira e presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann é destaque na edição desta semana da revista “Veja”, segundo a qual ela teria recebido R$ 23 milhões de propina – 7 milhões do Ministério do Planejamento, quando seu marido (Paulo Bernardo) estava lá, 5 milhões da Odebrecht e 10 milhões da JBS.

Temer apostou alto na Previdência e, de repente, aparece com a intervenção

O presidente Michel Temer está no comando de um desgoverno, produzindo a maior insegurança no País. Primeiro, jogou todas as fichas que tinha nas mãos para salvar o seu próprio pescoço nas duas denúncias de prática de corrupção. Depois, ficou praticamente seis meses hipotecando o governo para a Reforma da Previdência. Foi um tempo precioso, com a escalação de políticos importantes Continuar a ler Temer apostou alto na Previdência e, de repente, aparece com a intervenção

Intervenção na Segurança é pouco. O certo seria intervenção no governo do Rio

O Estado do Rio de Janeiro se tornou ingovernável, porque o problema da Segurança Pública não está, apenas, nas favelas dos morros, mas, sim, no próprio Palácio Guanabara, pela roubalheira que se instalou no governo, que levou à falecia do Estado, que não tem dinheiro para honrar a folha de pagamento dos servidores, para a manutenção dos próprios do Estado, para a Saúde e, aí, Continuar a ler Intervenção na Segurança é pouco. O certo seria intervenção no governo do Rio

O novo tema em debate, agora, é o pagamento de vantagens imorais

Aquela velha história de o cachimbo deixar a boca torta parece se aplicar bem à realidade, só agora descoberta pela sociedade, das vantagens e privilégios criados no âmbito dos três Poderes da República para beneficiar tanto titulares, quanto servidores. Uma espécie de cumplicidade. E essas vantagens e privilégios ganharam força no debate em torno da Reforma da Previdência, Continuar a ler O novo tema em debate, agora, é o pagamento de vantagens imorais

STF dá mostras de não querer se enredar nas falcatruas de Lula

O Supremo Tribunal Federal abriu, ontem, o ano de trabalho, em meio a um clima de visível constrangimento, pelas estocadas do ex-presidente Lula e de dirigentes do PT contra o Judiciário. Na sessão solene, da manhã, a presidente do STF, ministra Carmen Lúcia, foi enfática no recado que mandou ao povo do PT: “Pode-se ser favorável ou desfavorável à decisão judicial pela qual se aplica o direito Continuar a ler STF dá mostras de não querer se enredar nas falcatruas de Lula

Lula quer ser julgado pelo STF, por estar lá toda a sua esperança

O PT, tido e havido como organização criminosa, pelo conjunto da obra de seus governos e pelo descalabro da roubalheira do dinheiro público, está em luta aberta contra todos que se levantarem a favor da condenação de Lula e, de maneira particular, em favor de sua prisão. Lula perdeu em Curitiba, perdeu em Porto Alegre, já teve uma derrota em Brasília, Continuar a ler Lula quer ser julgado pelo STF, por estar lá toda a sua esperança

Lula comandou a maior quadrilha, foi condenado, mas não quer ser preso

O ex-presidente Lula pensa que pode passar para a História como o maior malandro da política brasileira, inteiramente impune. É o comandante-em-chefe da maior quadrilha de assalto ao dinheiro público do Brasil, mas nem de longe admite tamanha esperteza, fazendo de conta que nunca soube de nada. Pego em suas trapaças, mesmo que tenha se esforçado para apagar as pegadas que deixou, foi condenado Continuar a ler Lula comandou a maior quadrilha, foi condenado, mas não quer ser preso