Barbiero consegue apoio para o Parque de Olarias

Entrevistado no programa “Verdade em Pauta”, da TVM, desta sexta-feira, o ex-assessor da ainda ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, João Barbiero anunciou ter conseguido o compromisso de Gleisi em conseguir recursos do Ministério das Cidades para o projeto do Parque de Olarias, que contempla três lagos e que vai revitalizar uma importante área da cidade. Segundo Barbiero, “o investimento é pequeno, na casa dos R$ 30 milhões”, o que foi considerado viável pela ainda ministra e senadora Gleisi Hoffmann, que deverá estar em Ponta Grossa, na próxima sexta-feira, dia 7, quando, de viva voz, deverá fazer o anúncio de seu compromisso em viabilizar esse importante projeto de criação de um espaço público para a população, em meio ao embelezamento de uma área degradada da cidade.

Esse projeto do Parque de Olarias pertence ao governo do prefeito Péricles de Holleben Mello (2001 a 2004), concebido praticamente  no final do governo, o que impediu de ser iniciado na própria administração, muito embora, mais por efeito eleitoral, o então prefeito tenha colocado no local algumas máquinas para um princípio de movimento de terra. Porém, na verdade, não havia recurso financeiro para a obra. O projeto, na época, era para se prestar mais como um reforço na propaganda eleitoral para a conquista de um segundo período de governo, o que acabou não acontecendo, porquanto, nas eleições de 2004, Péricles perdeu a reeleição para o ex-prefeito Pedro Wosgrau Filho, que, reeleito para um histórico terceiro mandato em 2008, não tocou para a frente o projeto, a despeito de tê-lo prometido na campanha de 2004.

O Projeto do Parque de Olarias, no atual governo da cidade, está a cargo da ARAS – Agência Reguladora de Água e Saneamento -, presidida pelo ex-vereador Delmar Pimentel, nascido no bairro de Olarias, sua principal base de apoio político, nos quatro mandatos que exerceu como vereador à Câmara Municipal.

João Barbiero se queixou, inclusive, no “Verdade em Pauta”, de ter se proposto a levar Delmar Pimentel para uma audiência com a ministra Gleisi Hoffmann, mas que, sequer, chegou a receber os projetos da obra, o que teria acontecido, segundo disse, por meio do empresário Roberto Mongruel, seu amigo pessoal.

A explicação, no caso, parece óbvia, pois, sendo Barbiero pré-candidato a deputado federal, Delmar, que já havia estado no Ministério das Cidades com o deputado Sandro Alex para pleitear recursos para a execução do projeto, não se dispôs a criar um desconforto político para o irmão do prefeito Marcelo Rangel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *